Mostrar a pele sem sacrificar o estilo

Categories artigo, blog, Fashion, Shopping

Continuo  à volta da praia e das férias que algumas já estão a gozar e que outras esperam com cada vez maior ansiedade. Tenho a certeza de que, nesta fase, ainda que esteja a chegar às lojas a colecção AW1718, a maior parte de nós quando vai às compras tem uma inclinação natural por fatos de banho, biquinis, saídas e toalhas de praia. Algumas das minhas amigas, que são fãs do biquini pedem-me para ajudar na escolha do modelo perfeito. Eu confesso, que como sou fã incondicional do one-piece, fui sempre adiando este post. Mas chegou o dia. Aqui está o post – Mostrar a pele sem sacrificar o estilo.

Não vou perder tempo a falar daquelas escolhas menos acertadas que vemos na praia e que nos deixam desconsertadas. Quando o corte do biquini não se ajusta ao corpo, por mais caro que seja, mais bonito que nos pareça, vai sempre cair-nos mal e, como tal, perdemos aquele ar de estilosas que tanto gostamos de envergar na praia. Vamos ao que interessa,

Na minha opinião existem 3 condições para escolher o biquini perfeito,

  1. Conhecer-se bem e ter uma boa autopercepção de si própria. Esta opção deixa-nos mais expostas pode deixar-nos inseguras e é deselegante que mostremos zonas do nosso corpo que nos deixam desconfortáveis… convenhamos que a maioria de nós não partilha o ADN da Elle Macpherson.
  2. Não se guie pelo tamanho que veste. Habitualmente ao escolher um fato de banho, a maioria das mulheres veste um tamanho acima do que costuma usar.
  3. Não deixe de experimentar modelos só porque os acha demasiado grandes ou subidos, por vezes um drapeado no sítio certo transforma completamente a silhueta.

Escolher o soutien perfeito.

  • Um soutien bem ajustado começa pela medida das costas. Não são as alças que suportam o peso do peito, mas as costas. Usar um tamanho acima não dá suporte e habitualmente o peito cai e as costas sobem. O tamanho abaixo marca muito as costas e vinca as gordurinhas que temos nas costas.
  • As copas podem ser moles (só tecido forrado) ou moldadas com esponja tomando forma de concha. As primeiras dão um ar natural as segundas moldam o peito e conseguem dar um efeito elegante principalmente para um peito menos generoso.
  • Os decotes são muito importantes, porque devem mostrar apenas o que se quer. Resulta de uma boa sustentação do peito. É deselegante quando o decote mostra os seios demasiado juntos e que ameaçam a qualquer momento sair da copa. existem 3 tipos de decote,
    • Plunge – aproxima o peito e cria um decote em V pronunciado. não é aconselhado para um peito generoso.
    • Balconette – São mais subidos na zona do externo e sustentam muito bem um peito mais generoso. é um modelo elegante para a quase todos os tamanhos e tipo de peito.
    • Bandeau. Cobre o peito em quase toda a totalidade, ajuda a contenção do peito mesmo nos menos firmes ou assimétricos.

Escolher as cuecas mais adequadas.

  • Para controlar a barriguinha os modelos drapeados, mais subidos são muito elegantes, tapa sem vincar. É importante que quanto mais apertar mais volume cria.
  • As cuecas com faixas laterais ajustáveis são também uma boa maneira de disfarçar a barriguinha e de ajudar a definir a anca.
  • Para marcar a linha da cintura e definir a silhueta pode usar-se a cueca de cintura alta. tem uma boa sustentação na zona da barriga e das ancas. Regra geral são pouco cavadas, por isso vão encurtar a altura de perna.
  • Hipster é um tipo de cueca que permite uma boa sustentação e cobertura, sem criar o efeito de muffin.

Mas acima de tudo é importante lembrar que o biquini perfeito é aquele que veste na perfeição e que parece ter sido feito para si. O que conta é a maneira como lhe assenta e não o tamanho, mas acima de tudo o corte, a cor e o padrão.

 

Boas compras e, se precisarem de ajuda, liguem-me. Estou à vossa espera.

 

Agradecimentos à DAMA de COPAS

Deixe um comentário

Seja o primeiro a comentar!

Notify of
wpDiscuz